Coleção de retratos em exposição inédita no MAB-FAAP

Para celebrar os 70 anos da FAAP, o MAB-FAAP expõe a partir de segunda-feira, 10/4, no Salão Cultural, produções de importantes fotógrafos brasileiros e estrangeiros

Pierre Verger, Bob Gruen, Bob Wolfenson, Mario Testino, J.R. Duran, Klaus Mitteldorf, Luiz Tripolli, entre outros grandes fotógrafos, nacionais e internacionais, estarão juntos na exposição “Retrato – Território da Fotografia”, que o Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Alvares Penteado (MAB-FAAP) inaugura no próximo dia 10 de abril. Gratuita, a mostra começa com um recorte histórico onde são distribuídos trabalhos fotográficos do século XIX e princípios do século XX.

Com curadoria do pesquisador e crítico de fotografia, prof. Rubens Fernandes Junior, também diretor da Faculdade de Comunicação e Marketing da FAAP, a exposição está dividida em subtemas, entre os quais Clássicos, Moda, Cultura Pop, Artistas Visuais, Corpo e Retratos em Grupos. A mostra traz ainda outros recortes, devido ao número maior de obras no acervo do MAB, como a coleção de imagens de autoria de Lívia Aquino e outro com fotos de Otto Stupakoff. Ao todo, a mostra contará com cerca de 130 imagens.

O objetivo da exposição é indicar o retrato como um dos gêneros mais populares da fotografia, a partir de uma seleção de imagens que pertencem ao acervo do MAB-FAAP. “O retrato é o primeiro território da fotografia consolidado ao longo dos mais de 170 anos de história. Com este recorte, será possível atestar as diversas mudanças tecnológicas pelas quais passou a fotografia e a série de procedimentos técnicos que alterou profundamente os métodos e os estilos de representação”, diz o curador.

No espaço destinado aos Clássicos, o público poderá apreciar, por exemplo, imagens do francês Jean Moral; do alemão Horst P. Horst – conhecido como mestre da luz e da composição; do francês Pierre Verger – que viveu grande parte da sua vida em Salvador, na Bahia, direcionando suas pesquisas para os aspectos religiosos do candomblé; e de German Lorca, um dos precursores da fotografia moderna brasileira.

Já na seção destinada às fotografias de Moda, estão nomes como Erwin Blumenfeld – autor de extensa produção em 35 anos de trabalho, homenageado em exposição individual no MAB em 2014; e Bob Wolfenson, uma das referências nacionais como retratista, fotógrafo de nu e de moda, que transita entre a publicidade e a arte, e que também já teve seus trabalhos expostos no museu da FAAP em 2004 e 2007.

Bob Wolfenson
(São Paulo, SP 1954)
Mariza, 1995
Série Encadernação Dourada

O público poderá ver ainda, na área Cultura Pop, retratos feitos por Bob Gruen, conhecido por suas fotografias de rock’n’roll, e que já esteve presente em exposição individual no MAB em 2007, e Iolanda Huzak, cujas produções discutem predominantemente a mulher, o trabalho e a infância, entre outros.

Em Artistas Visuais, será possível ver retratados artistas visuais brasileiros consagrados, clicados pelo fotógrafo e jornalista Juan Esteves, por Valdir Cruz, e por Miro, um dos fotógrafos de publicidade mais influentes no Brasil, que possui um estilo influenciado pelas artes cênicas. Na seção O Corpo, nomes como Luiz Tripolli, J.R. Duran e Klaus Mitteldorf. Este último homenageado em exposição individual no MAB-FAAP em 2013.

Klaus Mitteldorf
(São Paulo, SP 1953)
The last cry, 1991

Os fotógrafos que retrataram Grupos também ganham espaço especial na exposição.  Nesta área, estão nomes como Pierre Verger, Bob Wolfenson e Mario Testino – que também já teve suas obras em mostra individual no MAB- FAAP em dois momentos: 1998 e 2014.

Gratuita, a mostra estará aberta ao público até 4 de junho, de segunda, quarta, quinta e sexta-feira, das 10h às 18h; aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h. O museu é fechado às terças-feiras.

Eterna Trilogia
Na Sala MAB, outro espaço do museu, o público poderá conferir também a exposição Eterna Trilogia, de longa duração, com 103 obras do acervo do MAB-FAAP, entre pinturas, desenhos e esculturas.

A mostra traz ainda quatro exposições internas que se revezarão ao longo do ano em comemoração aos 70 anos da FAAP. Até 30 de abril, Obras-primas, que será substituída por Abrindo arquivos. A história do projeto do edifício sede da FAAP, com imagens, plantas e obras que relembram a construção do edifício principal, cujo projeto é do francês Auguste Perret. Em agosto, o espaço será voltado para Coleção Moda no Acervo do MAB, com criações de estilistas brasileiros contemporâneos. Para fechar o ano, a mostra 70 + 30  com a participação da Faculdade de Artes Plásticas e registros e trabalhos dos alunos dos cursos de Artes Visuais, Moda, Design e Arquitetura.

Retrato – Território da Fotografia
Exposição inédita com cerca de 130 retratos de fotógrafos brasileiros e estrangeiros, que estão no acervo do MAB-FAAP. Reúne nomes como Horst P. Horst, Erwin Blumenfeld, Bob Gruen, Miro, Klaus Mitteldorf, Valdir Cruz, Bob Wolfenson e Mario Testino. As obras serão apresentadas em núcleos como Clássicos, Moda, Cultura Pop, Artistas Visuais, O Corpo, Grupos, entre outros.

Período de visitação: 10/4 a 04/6/2017
Horários: Segundas, quartas, quintas e sextas-feiras, das 10h às 18h, com permanência até às 19h.
Aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h, com permanência até às 18h.
(Fechado às terças-feiras, inclusive quando feriado)
Local: MAB-FAAP
Endereço: Rua Alagoas, 903 – Higienópolis
Informações: (11) 3662-7198
Agendamento de visitas educativas: (11) 3662-7200
Entrada: gratuita

Carregar mais Arte

Deixe uma resposta

Veja também

Hilda Hilst é a homenageada da Flip 2018

Festa Literária, que acontece de 25 a 29 de julho, abre também seu programa de patronos 20…