Veja quem são os MCs classificados para a competição no João Rock

650

Devilzinha, Neo, Maria e Brennuz disputam a fase final no Palco João Rock, no dia 03 de junho, em Ribeirão Preto

Pela primeira vez, ao longo dos seus vinte anos de história, o João Rock receberá em sua programação uma batalha de rimas – que acontece em parceria com a Batalha da Aldeia – BDA e a Casa 1 – com a presença de renomados MCs de todo país. A primeira fase do projeto aconteceu na noite da última quinta-feira, dia 04 de maio, na mansão BDA, em São Paulo.

A batalha contou com a presença de 16 MCs, sendo 8 indicados pela BDA e 8 pelo João Rock, com dois jurados presenciais e votação do público via enquete na Twitch, alcançando 56 mil expectadores. Em uma classificatória marcada por representatividade e diversidade, passaram para a próxima fase Devilzinha e Neo, do Rio de Janeiro, além dos paulistas Maria (que, na realidade, foi criada em São Paulo mas é natural do estado de Pernambuco) e Brennuz.

O público aguarda agora as rodadas de semifinal e final, que acontecem no dia 3 de junho, no João Rock, em Ribeirão Preto.

“É uma honra fazer parte desta parceria, que com certeza será um marco na história do João Rock. A disputa trouxe uma mescla de cultura, diversidade e representatividade, características que se enquadram no festival. Agora é aguardar a fase final, em cima do nosso palco e acompanhada de todo público João Rock”, comenta Luit Marques, um dos organizadores do festival.

Os MCs se apresentarão no “Palco João Rock” – o mesmo que receberá L7nnon e Filipe Ret + convidados, Emicida + convidados, Capital Inicial, BaianaSystem, Pitty, CPM 22, Gilsons, Ira! e Planet Hemp -, haverá também a presença de Cael, Alva e Bob 13. Uma das novidades da batalha no festival é que além do DJ, as rimas terão o acompanhamento da Banda Projeto Orgânico, ambos da Casa 1, além de transmissão pelo canal da Twitch da BDA. Todos os semifinalistas da batalha receberão uma premiação, independente da colocação.

“Foi uma sensação completamente nova e muito boa para nós. Apesar de estarmos acostumados às lives, essa foi especial por ser uma ação fora do circuito, sem um campeão da noite, mas que carrega um peso enorme, de levar quatro MCs para uma plateia gigantesca. Já para a BDA é um passo muito importante, pois vem pra premiar o pioneirismo que tanto lutamos para ter dentro deste universo”, finalizou Bob 13, um dos sócios fundadores da Batalha da Aldeia e anfitrião da noite.

Programe-se

Data: 3 de junho
Local: Parque Permanente de Exposições/ Ribeirão Preto (SP)
Ingressos: Através do site e nos pontos de venda – lojas Ophicina do Shopping Iguatemi Ribeirão Preto, Novo Shopping e Ribeirão Shopping e, loja Footwear Ophicina no Shopping Santa Úrsula.
Line – Up:

  • Palco João Rock: L7nnon e Filipe Ret + convidados, Emicida + convidados, Capital Inicial, BaianaSystem, Pitty, CPM 22, Gilsons, Ira! e Planet Hemp no formato “non stop”, sem intervalos.

  • Palco Brasil: Tom Zé, Mutantes, Zé Ramalho, Alceu Valença e Gilberto Gil na edição especial intitulada “Lendas Vol.1”.

  • Palco Aquarela: Flora Matos, Majur, Marina Sena, além de dois projetos especiais: Manu Gavassi canta Fruto Proibido e Ana Carolina – canta Cássia Eller.

  • Palco Fortalecendo a Cena: Borges, Major RD, Hyperanhas, Tasha & Tracie e Don L.

Sobre a Batalha da Aldeia: A Batalha da Aldeia (BDA) é o maior coletivo cultural de batalhas de rimas do Brasil, com crescimento exponencial desde 2016. A simples roda de rima da praça dos estudantes da cidade de Barueri explodiu nas redes e hoje conta com mais de 3,9 milhões de inscritos no Youtube.

Sendo a principal janela de divulgação para jovens rimadores, a BDA transformou a vida de MCs e revelou diversos destaques no cenário nacional, como Salvador, Kant, Jaya Luuck, Mikezin, Leozin, Krawk e Thiago, que migraram das batalhas para música, e hoje seguem carreiras musicais de sucesso.

A BDA não criou o formato das batalhas de rima, porém, inovou em criar um plano de carreira para jovens com o dom de rimar. Além disso, atualmente a BDA conta com gravadora própria, a Aldeia Records, que incuba e desenvolve artistas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here