Supera Parque se destaca como agente internacional de inovação

Parque promove a inserção de empresas brasileiras no mercado exterior e facilita a entrada de empresas estrangeiras no Brasil

 

O Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto está ganhando espaço no cenário internacional como importante agente de inovação. Inaugurado em 2014 e fruto de uma parceria entre a Universidade de São Paulo, Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e Governo do Estado de São Paulo, o Parque atua no incentivo ao empreendedorismo e apoio ao desenvolvimento de novas tecnologias.

O Parque mantém um escritório internacional – o Supera International Office, responsável por auxiliar as empresas brasileiras que estão buscando novos mercados no exterior. Guilherme Approbato é quem está à frente do escritório e explica que o objetivo é contribuir para que haja a troca de experiências entre empreendedores brasileiros e de outras partes do mundo. “Nós auxiliamos as empresas ligadas ao Parque Tecnológico a encontrarem parceiros que melhor atendam suas necessidades, os conectando”, diz.

Para isso, o consultor está sempre atento às oportunidades de participação em eventos e programas internacionais que possibilitem o intercâmbio com profissionais de outros países. Uma das mais recentes participações se deu no Programa de Promoção da Economia Criativa, promovido pela Samsung em parceria com a Anprotec, e que teve a participação da incubada Phelcom Technologies.

O programa, que prevê o intercâmbio entre as empresas participantes, permitiu que o Supera Parque de Inovação e Tecnologia recebesse a empreendedora coreana Sun Hee An, da Lillycover – startup que atua na área de cosméticos. Ela chegou ao Brasil no começo de agosto e, durante duas semanas, cumpriu uma extensa agenda de reuniões com possíveis parceiros.

“Nós selecionamos entre os nossos empreendedores aqueles cujo negócio tinham sinergia com a empresa coreana e promovemos encontros. A empreendedora recebeu importantes orientações de especialistas de sua área no Brasil para adequar o produto a algumas exigências do país. Além disso, está no processo de assinar um acordo com a Unidade de Pesquisa Clínica do Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto para testar seu equipamento, quando estiver pronto e adequado”, explica.

O consultor explica que a participação em eventos semelhantes é importante porque permite que as startups incubadas e relacionadas ao Parque estejam próximas a grandes players de tecnologia, o que pode facilitar o seu desenvolvimento. Flávio Paschoal, da Phelcom Technologies, corrobora com essa ideia e afirma que a participação no programa da Samsung colocou a startup em condição mais próxima da inserção do equipamento no mercado, desenvolvendo principalmente aspectos relacionados à produção.

“Na fase inicial, validamos, com a ajuda das mentorias, das ferramentas apresentadas e da interação com o time da Samsung, vários aspectos do projeto, inclusive com algumas mudanças importantes. Na sequência, realizamos a implementação de todas estas modificações e iniciamos a validação com os clientes”, explica. Para ele, nas duas etapas, o apoio intelectual e o apoio financeiro foram fundamentais para conseguir materializar todo o projeto e começar a receber feedbacks de usuários reais.

Com o auxílio do Internacional Office e apoio recebido da Samsung, o empreendedor explica que, na etapa final do projeto, foi possível investir no desenvolvimento da empresa no aspecto de negócio e em sua infraestrutura. “Isso nos permitiu entender que o que dá perenidade à empresa é o mercado e, com isso, seguimos o nosso planejamento estratégico, o que deixou a empresa muito mais madura”, finaliza.

 

Apoio

O Supera International Office oferece contato direto com instituições estrangeiras que possuem programas de apoio às empresas instaladas no Parque. “Temos acordos de cooperação com parques tecnológicos, centros de pesquisa, universidades e clusters de empresas, que oferecem vagas frequentes para empresas que desejam se internacionalizar”, explica Guilherme Approbato.

Além disso, também possui um programa de softlanding que oferece todo o apoio necessário para empresas estrangeiras que desejam se instalar no Parque, como espaço físico, suporte para assuntos legais, auxílio para encontrar moradia, escola para filhos, entre outros.

 

Supera Parque

O Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto é resultado de uma parceria entre a Fipase, a Universidade de São Paulo (USP), Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo. Instalado no Campus da USP local, o Parque abriga a Supera Incubadora de Empresas, o Supera Centro de Tecnologia, a associação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Saúde, o Polo Industrial de Software (PISO), além do Supera Centro de Negócios.

Ao todo, são 63 empresas instaladas no Parque, sendo: 43 delas na Supera Incubadora de Empresas de Base Tecnológica; 15 empreendimentos no Centro de Negócios e 5 na aceleradora SEVNA Seed.

 

Carregar mais Empreendedorismo e Negócios

Deixe uma resposta

Veja também

Rotas nacionais com passagem aérea por até R$ 200

Decolar lista os destinos mais baratos e mais procuradas nos últimos dois meses  Todo mund…