Procura de startups por apoio aumenta em tempo de pandemia

342
happy young curly business woman in the modern office

Programa Membership, do Supera Parque, teve aumento no número de associados; empreendedores buscam mentorias individuais, auxílio em propriedade Intelectual e orientações na estruturação de projetos para editais de fomento

A pandemia do coronavírus mudou relacionamentos pessoais e comerciais mundo à fora, trazendo dúvidas de como será o futuro. Mesmo para empresas ambientadas às incertezas, o momento é delicado, portanto, todo apoio é bem-vindo. Com essa visão, o Supera Parque de Inovação e Tecnologia, de Ribeirão Preto, criou uma nova rotina de ações online voltadas aos empreendedores e startups, fazendo com que a procura pelos serviços prestados aumentassem.

“A presença online fez com que o interesse pelo apoio à inovação e ao empreendedorismo prestado pelo Supera Parque aumentasse. Com isso, passamos a atender novas empresas, principalmente pelo nosso programa de associados, o Membership”, conta Eduardo Cicconi, gerente do Supera Parque.

Desde o início do afastamento social, há dois meses, são 28% a mais de novas empresas associadas ao programa, em busca de serviços como mentorias individuais, auxílio em Propriedade Intelectual e orientações na estruturação de projetos para editais de fomento.

MEMBERSHIP

O Membership é o programa de associados do Supera Parque que tem a missão de fortalecer e unificar o ecossistema empreendedor de Ribeirão Preto. O objetivo do programa é envolver os atores do ecossistema de inovação, possibilitando um ambiente propício para novos negócios e criação de ideias; promover capacitações gerais e específicas, trazendo novas figuras para o cenário empreendedor e também especializando aqueles que já estão incluídos; e, oferecer uma rede de parceiros e mentores para que ajudem a acelerar o processo de evolução das startups e do ambiente de inovação como um todo.

Foi exatamente assim que aconteceu com Daniel Padula, 37 anos, empreendedor na área da Indústria. Ele sentiu, recentemente, a necessidade de apoio para desenvolver novas ideias em um novo produto. “Buscávamos trabalhar com inovação e tecnologia desde antes desta pandemia, entretanto, neste momento, estamos dedicando esforços no desenvolvimento de algum produto que possa ser de necessidade do atual mercado. O programa está sendo fundamental para o que almejamos e tem nos enriquecido bastante com informações em áreas específicas”, afirma Daniel.

ONLINE

Em decorrência da pandemia do coronavírus, o Supera Parque estudou formas de atuação que permitissem acompanhar as empresas e não deixar com que os empreendedores desanimassem ou ficassem desassistidos. “Encontrar novos caminhos para driblar a crise, além de manter a equipe produtiva mesmo à distância foram alguns dos principais desafios. Precisamos contar com o comprometimento de todos e a pro-atividade para descobrir ferramentas mais eficazes, compartilhar estratégias de trabalho que funcionam e continuar todo o processo de acompanhamento das empresas vinculadas”, explica Eduardo Cicconi.

Para isso, a equipe realizou um planejamento da rotina de trabalho remoto que permitisse transpor grande parte das atividades presenciais para o ambiente virtual. “Hoje, o atendimento é realizado por meio de diversas ferramentas de comunicação, desde aplicativos de mensagens, e-mail, telefone e videoconferência. Com isso, conseguimos atender de forma satisfatória a maioria dos empreendedores, mantendo o contato diário e dando continuidade ao desenvolvimento dos projetos”, diz.

Entre as ações realizadas, voltadas para a capacitação dos empreendedores, o Parque criou o #SuperaWebinars, um conjunto de transmissões online com mentores e convidados discutindo diversos temas que mantêm incubados e associados atualizados.  Outra iniciativa em andamento diz respeito aos treinamentos do SuperaLab Open Innovation, programa de apoio a médias e grandes empresas e que serão ministrados remotamente.

“Estamos planejando a condução dos treinamentos e cursos em um ambiente virtual, levando em consideração a opinião dos incubados e dos associados, e a nossa expertise. A ideia é tornar as práticas presenciais adaptadas ao ambiente remoto sem perder a qualidade e a troca de experiência”, finaliza Cicconi.

SUPERA PARQUE —  O Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto, gerido pela Fipase, é uma iniciativa da Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto em conjunto com a Universidade de São Paulo (USP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, bem como diversos órgãos estaduais e federais, são apoiadores do empreendimento. Instalado no Campus da USP local, o Parque abriga a Supera Incubadora de Empresas, o Supera Centro de Tecnologia, a associação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Saúde, o Polo Industrial de Software (PISO), além do Supera Centro de Negócios.

Ao todo, são 74 empresas instaladas no Parque, sendo: 62 delas no Supera Incubadora de Empresas de Base Tecnológica; e 12 empreendimentos no Centro de Negócios.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here