Exposição fotográfica de edificações antigas e abandonadas é lançada em Ribeirão

Trabalho chamado “Palácios Cariados” reúne 20 fotos encaixadas e montadas em seis folhas de portas de janelas retiradas de demolidoras recriando o espaço dos edifícios abandonados em Ribeirão Preto e outras quatro cidades do Estado de São Paulo. A intervenção fotográfica acontece de 24 de junho a 7 de julho, sempre das 17h às 20 horas, na Praça XV de Novembro, em Ribeirão Preto. Visitação é gratuita

Ribeirão Preto (SP), 20 de junho de 2017 – O fotógrafo ribeirão-pretano, Jonas Golfeto, realiza a exposição fotográfica “Palácios Cariados”. O trabalho estará exposto de 24 de junho a 7 de julho, sempre das 17h às 20 horas, no Praça XV de Novembro (na esquina das ruas Tibiriçá e Duque de Caxias – no corredor que fica em frente ao Palacete Camilo de Mattos). A exposição é gratuita e aberta à população. O trabalho é uma realização do Dois de Boa Foto Coletivo, composto pelos artistas Jonas Golfeto e Anita Ferreira (convidada para esse projeto), contemplada pelo edital PROAC, da Secretaria de Cultural do Estado de São Paulo, com apoio da IESCD – Immaginare Escola de Criação e Design de Ribeirão Preto e Empório das Essências.

A exposição “Palácios Cariados” traz ensaios fotográficos de edificações antigas e abandonadas de Ribeirão Preto e outras quatro cidades do Estado de São Paulo: São Luís do Paraitinga (SP), Santos (SP), São Manuel (SP) e Presidente Prudente (SP). “Estas cinco cidades foram escolhidas não só pela importância histórica, mas por serem cidades que participaram de todos os ciclos econômicos do Brasil (ouro, cana e café, algodão)”, explica o fotógrafo Jonas Golfeto. Segundo ele, estas cidades têm influências arquitetônicas singulares, além de serem cidades que sofreram a ação de colonizadores europeus de variadas etnias e que deixaram edificações arquitetônicas e estilo neoclássico. “Hoje elas são antigas e sofreram a ação do tempo e, por vezes, abandono”, destaca.

O trabalho traz 20 obras fotográficas encaixadas e montadas em seis folhas de portas de janelas retiradas de demolidoras, recriando assim o espaço dos edifícios fotografados. “A ideia é convidar o público a interagir com o conceito visual da exposição e mergulhar no universo da história através do que restou da erosão praticada pelo abandono”, mostra Jonas Golfeto. As obras contam ainda com versos da poeta Lídia Mora. “Os textos acrescentam às obras uma boa dose de lirismo, porém sem nostalgia”, explica o fotógrafo.
O projeto “Palácios Cariados”, que começou em 2012, traz fotos do Palacete Camilo de Matos (1920), do Solar Vila Lobos (1880) e do Palacete Albino Camargo (1923) – todos em Ribeirão Preto. Em Presidente Prudente, traz imagens da Chaminé da Sanbra, construída no início do século XX. Já em Santos, retrata a Hospedaria dos Imigrantes, de 1912. Em São Manuel, traz imagens da estação Ferroviária de São Manuel, de 1918. Em São Luiz do Paraitinga, a casa do senhor Zé Peixe (1853), que foi derrubada pela enchente de 2012, também foi fotografada.

O FOTÓGRAFO
Jonas Golfeto é diretor e fotógrafo da Aleph Cinema e Vídeo, professor de fotografia da IESCD – Immaginare Escola de Criação e Design, em Ribeirão Preto. Criou recentemente o Dois de Boa Foto Coletivo, um duo de artistas que desenvolve projetos culturais, entre eles, o “Palácios Cariados”, por meio do edital do PROAC da Secretaria de Estado da Cultura. Foi artista orientador integrante do Projeto Teatro Vocacional, de 2007 a 2011. Artista orientador integrante do Projeto Ademar Guerra, 2011. Dirigiu e escreveu o curta metragem de ficção em 35 mm “REPVBLICA” (2003), São Paulo-SP, com quem venceu o prêmio Estímulo 2001, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. Integrou a Companhia Les Commediens Tropicales, em 2007. Participou, como ator, das montagens: O Pato Selvagem (2010), Chalaça, A Peça, (2007), A Última Quimera (2007). Criou com a LCT 2º D.Pedro 2º 2009, em que, além de atuar como ator foi o responsável pela execução das técnicas dos filmes que integram a peça. Foi Integrante da Companhia do Feijão (2002-2005). Fez Curso de Preparação do Ator do CPT-SP Centro de Pesquisa Teatral, coordenado por Antunes Filho (março a outubro de 2001).

SERVIÇO
EXPOSICÃO FOTOGRÁFICA “Palácios Cariados”
Data: de 24 de junho a 7 de julho de 2017
Horário: das 17h às 20 horas
Local: Praça XV de Novembro (na esquina das ruas Tibiriçá e Duque de Caxias – no corredor que fica em frente ao Palacete Camilo de Mattos).
Entrada: gratuita e aberta à população
Realização: Dois de Boa Foto Coletivo, contemplada pelo edital PROAC, da Secretaria de Cultural do Estado de São Paulo

Carregar mais Acontece no Interior

Deixe uma resposta

Veja também

Aniversário de Portinari é celebrado com programação especial em Brodowski

Museu Casa de Portinari realiza dois espetáculos musicais em homenagem aos 114 anos do art…