Editais do ProAC para difusão e preservação de acervos museológicos receberam 103 projetos inscritos

Iniciativa entra agora em fase de avaliação; ao todo, serão R$ 840 mil divididos entre 16 projetos selecionados

O Programa de Ação Cultural (ProAC), da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, recebeu 103 projetos inscritos para os editais de difusão e preservação de acervos museológicos. Os projetos entram agora em fase de avaliação e 16 deles serão contemplados. Ao todo, os prêmios somam R$ 840 mil. O prazo de inscrição foi encerrado no dia 28 de junho.

O edital de difusão de acervos museológicos obteve 42 inscrições e distribuirá oito prêmios de R$ 30 mil cada. Já o concurso para preservação de acervos, com 61 inscritos, distribuirá oito prêmios de R$ 75 mil cada.

“Recebemos uma quantidade significativa de inscrições, vindas de diferentes lugares do Estado, com as mais variadas necessidades, dentro das demandas de difusão e preservação de acervos. Isso mostra a importância do fomento às instituições que abrigam acervos museológicos”, afirmou o diretor do Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP), Davidson Kaseker.

Os resultados de 2017 mantiveram-se dentro da média dos anos anteriores. Os editais destinados aos museus foram lançados em 2012 e, desde então, R$ 5,83 milhões já foram distribuídos pelo Governo do Estado à qualificação do setor.

Para o secretário da Cultura do Estado de São Paulo, José Luiz Penna, é de fundamental importância o estreitamento dos laços entre produtores, artistas e gestores municipais com o Governo paulista, em especial por meio do SISEM-SP. “Estado e municípios devem trabalhar juntos para o fortalecimento do setor. Estamos sempre dispostos e receptivos às demandas dos gestores de cada localidade, para que juntos possamos avançar tanto em números, quanto qualitativamente, com benefícios a toda população.”

Próximos passos

Agora, os 103 projetos inscritos são encaminhados a uma comissão de seleção formada por especialistas do setor, que fará a análise, julgamento e escolha dos projetos a serem contemplados.

Os resultados serão divulgados em agosto. Os projetos selecionados no ProAC devem obrigatoriamente oferecer contrapartidas, na forma, por exemplo, de exibição de espetáculos a preços populares ou gratuitos.

Carregar mais Arte

Deixe uma resposta

Veja também

Make U Sweat e Jetlag lançam música e clipe com Tiago Abravanel

Versão oficial de “Não Quero Dinheiro”, de Tim Maia, promete ser um dos grandes sucessos d…