Bariloche e Ushuaia são os destinos de neve preferidos pelos brasileiros

Santiago do Chile atrairá mais turistas do Brasil do que de Buenos Aires no mês de julho 

O Decolar, agência online de viagem líder da América Latina, fez uma análise sobre o fluxo de turistas brasileiros que viajarão em julho para resorts de inverno na Argentina. A análise compara também a quantidade de reservas para Santiago do Chile e Buenos Aires no início de junho.

70% dos turistas brasileiros preferem Bariloche como destino de inverno. Ushuaia chamou atenção por ter ficado em segundo lugar, com duas vezes mais viajantes que já compraram passagem aérea para o “Fin del Mundo” em julho, em comparação com Mendoza, que caiu uma colocação em relação ao ano passado, aparecendo em terceiro lugar da lista de preferência.

 

“Mesmo sendo um pouco distante do Brasil, Ushuaia é um destino que está crescendo no interesse dos viajantes. Um outro fato interessante é que os turistas brasileiros são os mais desejados pelos hoteleiros e comerciantes argentinos, já que os gastos e tempo de estadia são altos. ”, disse Paulo Padula, Gerente Comercial de Voos do Decolar Brasil.

 

Posição dos principais destinos de neve da Argentina

(de acordo com compras de voos pelos brasileiros para julho de 2017)

1. San Carlos de Bariloche (Río Negro)
2. Ushuaia (Tierra del Fuego)
3. Mendoza (Mendoza)
4. San Martín de los Andes (Neuquén)

 

Segundo dados da análise do Decolar, 73% das compras de voos partindo do Brasil em julho de 2017 são para a cidade rionegrina de Bariloche. Ushuaia supera 16% da preferência e praticamente duplica a porcentagem de Mendoza, que chega a cerca de 9%. San Martín de los Andes fecha o ranking com um pouco mais de 1% das compras de voos.

O custo médio de uma passagem aérea saindo do Brasil para chegar a um resort de inverno, em ordem crescente são:

  1. San Martín de los Andes
  2. Ushuaia
  3. San Carlos de Bariloche
  4. Mendoza

 

De onde sairão os brasileiros em julho com destino a neve?

A origem dos viajantes que irão para os 4 destinos argentinos citados na análise são:

  1. São Paulo, com mais de 57% das compras de voos até o momento
  2. Rio de Janeiro, com mais de 18%
  3. Porto Alegre, representando 4%
  4. Curitiba, 6%
  5. Belo Horizonte, com 3%

 

Tempo médio de estadia e aluguel de carros

Segundo reservas já realizadas, os turistas brasileiros que chegarão em julho nessas 4 cidades argentinas ficarão entre 5 a 8 dias hospedados. Já a quantidade de aluguel de carros, em ordem decrescente será San Carlos de Bariloche, Ushuaia, Mendoza e San Martín de los Andes.

 

Produtos mais comprados 

Tanto em 2016 quanto em 2017, os produtos mais comprados pelos brasileiros relacionados aos destinos San Martín de los Andes, Ushuaia, San Carlos de Bariloche e Mendoza são, em ordem, voos e carros. Esses dados aponta um hábito de consumo que vem se repetindo: os turistas, quando chegam ao destino de avião, alugam um carro para locomoção e principalmente para visitar cidades vizinhas, economizando e agregando mais destinos a uma única viagem.

 

Buenos Aires vs. Santiago do Chile: quem ganha a disputa?

A análise do Decolar também inclui a preferência dos brasileiros entre as duas capitais do Cone Sul: Buenos Aires e Santiago do Chile.

Até agora, a região dos Andes foi elegida pelos brasileiros para passarem as férias de julho. Ao total dos voos comprados para esse mês com destino a Buenos Aires ou Santiago do Chile, mais de 54% das passagens aéreas são para a capital chilena.

O Decolar enfatiza que esses números são parciais até o momento, apontando uma primeira tendência de preferência dos brasileiros para passarem as férias de julho em destinos de neve na Argentina.

Carregar mais Viagem

Deixe uma resposta

Veja também

O mais novo – e cool – hotel de Campinas prepara festa de Réveillon

Pacote com hospedagem para 2 pessoas inclui brunch estendido até às 15h do dia seguinte, n…