Sete dicas para ter os melhores resultados com investimentos financeiros

Para qualquer negócio, não basta somente ter oportunidades interessantes para gerar bons resultados: é preciso foco e organização para conseguir aproveitá-las da melhor maneira possível. No entanto, nem sempre o empresário brasileiro possui uma boa gestão financeira que sustente suas chances de sucesso. Pesquisas do SEBRAE indicam que falhas na gestão do capital de giro, escassez de recursos e falta de planejamento financeiro estão entre as principais causas do insucesso empresarial no Brasil. Como reverter esse quadro? 

Para Lucas Macoris, sócio da XVI Finance, pequenos passos na gestão financeira de uma empresa podem direcioná-la para resultados cada vez melhores. Confira abaixo sete passos simples, porém essenciais: 

1 – Confie nos Controles Internos

Em qualquer empresa, ter informação é, ao mesmo tempo, ter poder. Agora, de que servem tais informações se a empresa não confia que reflitam a realidade do negócio? Assim, deve-se determinar quais informações são necessárias para a gestão do negócio, a forma ideal de coleta e como devem ser tratadas. Por exemplo, das contas a receber da empresa, quantas delas realmente possuem chances de serem pagas e quantas possivelmente são insolventes? 

2 – Organize e Analise Periodicamente

Em muitos casos, as informações financeiras da empresa estão dispersas dentro de diversas formas de controles gerenciais, como planilhas e sistemas. No entanto, é essencial que sejam organizadas e tratadas de forma conjunta, facilitando o acompanhamento e a tomada de decisão. Mais importante que isso, uma criteriosa análise financeira não deve olhar somente o quanto entrou e o quanto saiu de dinheiro da conta: muitas informações sobre custos, despesas e margens devem ser cuidadosamente tratadas! 

3 – Analise o Passado, mas Planeje o Futuro

Um dos grandes problemas em gestão financeira é que, na maioria dos casos, métricas de desempenho são calculadas olhando somente para o passado. No entanto, pouco se pode fazer para alterar os pontos fracos identificados de períodos anteriores, muito menos agir para evitar com que ocorram. Desta forma, é essencial organizar a gestão financeira da empresa com vistas para o futuro, de forma a responder questões como quanto deve-se poupar, quais produtos devem ter as vendas incentivadas, entre outras.  

4 – Mantenha um controle do Fluxo de Caixa da Empresa

O fluxo de caixa de uma empresa é como um motor para o negócio: se ele desempenha bem, a empresa tem condições de operacionalizar seus negócios de forma satisfatória. No entanto, problemas no fluxo de caixa podem fazer com que ela tenha que recorrer a situações mais urgentes, como empréstimos bancários com altas taxas de juros. Assim, analisar e projetar o fluxo de caixa da empresa para o futuro próximo pode garantir a sustentabilidade financeira do negócio. 

5 – Faça uma Gestão do Capital de Giro

O Capital de Giro de uma empresa representa o montante necessário que ela precisa investir para fazer com que seu ciclo operacional (compra de insumos, venda de mercadoria e recebimento de clientes) seja realizado de forma satisfatória. Atualmente, problemas de capital de giro são a grande maioria dos casos de mortalidade de pequenas e médias empresas. Desta forma, entender detalhadamente como gerir esses recursos indispensáveis para os negócios da empresa fornece um grande diferencial e uma segurança extra para o negócio! 

6 – Planeje Investimentos Futuros e Caixa de Segurança

Você sabe quanto precisa ter para arcar com todas os custos e despesas do mês? O estabelecimento de um nível de caixa de segurança não só auxilia na segurança financeira da empresa, que não sofre com variações sazonais e quedas temporárias nas vendas, mas também ajuda a planejar os investimentos futuros no negócio para alavancar seus resultados. 

7 –  Crie uma Controladoria para seu negócio.

Por fim, uma Gestão Financeira eficiente tem um ponto chave: consistência. Em outras palavras, os resultados financeiros devem ser mensurados, analisados, discutidos e planejados continuamente. Desta forma, a implementação de uma controladoria financeira em sua empresa pode auxiliá-lo a entender melhor seus resultados, conhecer a saúde financeira do negócio e planejar investimentos futuros, buscando deixar a empresa sustentável no longo prazo.

Carregar mais Empreendedorismo e Negócios

Deixe uma resposta

Veja também

5 opções de pratos especiais para o dia da semana em São Paulo

MiCi Restaurante Moqueca de Pirarucu  (R$98), servida exclusivamente aos sábados. Acompanh…