“The Deuce”, nova série original da HBO, estreia em 17 de setembro

Criada por David Simon e George Pelecanos, de “The Wire”, a série é protagonizada por James Franco e Maggie Gyllenhaal

The Deuce, a nova série original da HBO, aborda o momento em que o sexo se tornou um produto que movimenta bilhões de dólares nos Estados Unidos, no qual o centro do comércio do corpo era o coração de Nova York. Estrelada por James Franco e Maggie Gyllenhaal, a primeira temporada de The Deuce, composta por oito episódios, estreia em 17 de setembro, às 21h, no canal HBO.

 

O nome da série é uma alusão à gíria local para a lendária rua 42, na Times Square. The Deuce acompanha o crescimento da cultura da pornografia em Nova York do início dos anos 70 até meados dos anos 80. É mostrado o mundo do comércio sexual em que a revolução, que proporcionou mais liberdade sexual, e as novas definições legais do que era obsceno criaram condições para o surgimento de uma indústria bilionária, que agora é um elemento fundamental da cultura norte-americana.

 

A série mostra donos de bar, garçons, prostitutas, cafetões, policiais e outros personagens da vida noturna em um universo de sexo, crimes e violência, quando o negócio da pornografia começa a ascender das casas de massagem e das produtoras de filmes apoiadas pela máfia até ocupar um espaço de legitimidade e importância cultural.

 

Embora The Deuce tenha sido criada como uma série de ficção, ela é fruto de muita pesquisa do produtor Marc Henry Johnson, que conta a ascensão e a queda da indústria do sexo e o funcionamento desse submundo por meio das histórias reais das vidas de dois irmãos gêmeos. Eles acabam trabalhando para a família de mafiosos Gambino no centro da cidade e alcançam alguma projeção por conta própria. Essas histórias – reveladas por um dos irmãos que faleceu poucos meses antes do início da filmagem do episódio piloto – são um eixo fundamental da narrativa, ampliada com pesquisas adicionais e entrevistas com outras pessoas que participaram desse universo.

 

Além do trabalho na serie The Wire, os criadores David Simon e George Pelecanos colaboraram na série de drama Treme, também da HBO. Simon é escritor, jornalista e produtor; entre seus outros trabalhos para a HBO estão The Corner, Generation Kill e Show Me a Hero. Pelecanos é autor de 20 aclamados livros, como “The Double” e “The Turnaround”, além de roteirista e produtor de filmes. Ele também é autor e coprodutor da série da HBO The Pacific.

 

James Franco interpreta os gêmeos idênticos Vincent e Frankie Martino e Maggie Gyllenhaal está no papel da prostituta Candy. O elenco conta ainda com Gary Carr (Downton Abbey) como o cafetão C.C.; Margarita Levieva (The Blacklist) como Abigail “Abby” Parker, uma ex-estudante universitária que virou garçonete; Lawrence Gilliard Jr. (The Wire, da HBO) como o policial Chris Alston; Dominique Fishback (Show Me a Hero, da HBO) como a prostituta Darlene; Emily Meade (The Leftovers, da HBO) como a prostituta de 20 anos Lori; Gbenga Akinnagbe (The Good Wife) como o cafetão Larry Brown; Chris Bauer (The Wire, da HBO) como Bobby Dwyer, mestre de obras que é cunhado dos irmãos Martino; Chris Coy (Banshee, do Cinemax) como o barman Paul Hendrickson; Natalie Paul (Show Me a Hero) como a repórter Sandra Washington; e Michael Rispoli (Família Soprano, da HBO) como o integrante da máfia Rudy Pipilo.

 

Michelle MacLaren (Breaking Bad e Game of Thrones, de HBO), produtora executiva do episódio piloto, dirigiu o primeiro e o último episódio da temporada. O ator e produtor executivo James Franco também dirigiu dois episódios. Colaboradores de Simon, Pelecanos e Noble de longa data, Ernest Dickerson, Uta Briesewitz, Alex Hall e Roxann Dawson também assumem a direção de alguns episódios de The Deuce.

 

The Deuce foi criada por David Simon e George Pelecanos. A série conta com produção executiva de David Simon, George Pelecanos, Nina K. Noble e James Franco; coprodução executiva de Richard Price; e produção de Marc Henry Johnson e Maggie Gyllenhaal.

 

Os personagens

 

Vincent Martino (James Franco) é um barman esperto e bem-sucedido que se encontra no centro do comércio do sexo da cidade após atrair o interesse de um integrante da máfia, Rudy Pipilo (Michael Rispoli), representante dos interesses financeiros da família Gambino no negócio do sexo na região. Vicent começa um relacionamento com Abby Parker (Margarita Levieva) depois que ela abandona a Universidade de Nova York, o que representa um desafio para os dois. O irmão gêmeo de Vincent, Frankie, é o oposto dele: tem espírito livre e é despreocupado. Sobrevive com o apoio do irmão, mas está cada vez mais atraído pelos negócios de Pipilo.

 

Candy (Maggie Gyllenhaal) é uma prostituta independente que se recusa a trabalhar sob o domínio dos vários cafetões que controlam a atividade na Oitava e na Nona avenidas. Ela tem um filho que mora com os avós nos arredores da cidade. Ambiciosa e inteligente – e já um pouco cansada do trabalho nas ruas –, entra no mundo novo dos filmes pornográficos, onde vê potencial para si mesma e, talvez, para suas companheiras das calçadas.

 

Darlene (Dominique Fishback) é uma jovem esperta da Carolina do Norte que usa suas habilidades para controlar seu instável cafetão, Larry Brown (Gbenga Akinnagbe). Já Lori (Emily Meade) é uma garota de 20 anos de Minnesota que cai nas garras do elegante cafetão C.C. (Gary Carr) assim que chega a rodoviária de Port Authority. Enquanto C.C. é igualmente capaz de ser sedutor e brutal na relação com suas prostitutas, Larry Brown controla sua equipe – Darlene, Loretta (Sepideh Moafi) e Barbara (Kayla Foster) – basicamente por meio da intimidação.

 

Chris Alston (Lawrence Gilliard, Jr.) é um policial que atua no centro da cidade e questiona os métodos dos seus superiores, inclusive a premissa de que é preciso reprimir o comércio do sexo em uma cultura dominada pela corrupção sexual e institucional na polícia de Nova York. Quando recebe ordens de parar de vigiar uma determinada área sob a sua responsabilidade, bem ao oeste de Times Square, Alston começa uma investigação silenciosa que o aproxima de Sandra Washington (Natalie Paul), uma repórter que quer apurar histórias da indústria do sexo.

 

Enquanto isso, o barman Paul (Chris Coy), contratado por Vincent Martino ao assumir o controle do bar da máfia no centro da cidade, aproveita os primeiros anos da aceitação dos gays em Nova York com o objetivo de ter um espaço próprio na noite da cidade.

 

Todas as histórias se fundem quando algumas prostitutas de rua, animadas com a perspectiva e as promessas de estrelato, conseguem novos trabalhos devido ao rápido crescimento da produção pornográfica em Nova York.

 

Episódios

 

Episódio 1: “Pilot”

Estreia: domingo, 17 de setembro

Roteiro de George Pelecanos e David Simon; direção de Michelle MacLaren

 

Episódio 2: “Show and Prove”

Estreia: domingo, 24 de setembro

Roteiro de Richard Price e George Pelecanos; direção de Ernest Dickerson

 

Episódio 3: “The Principle Is All”

Estreia: domingo, 1º de outubro

Roteiro de David Simon e Richard Price; direção de James Franco.

 

Episódio 4: “I See Money”

Estreia: domingo, 8 de outubro

Texto de George Pelecanos e Lisa Lutz; roteiro de Lisa Lutz; direção de Alex Hall.

 

Episódio 5: “What Kind of Bad?”

Estreia: domingo, 15 de outubro

Texto de Richard Price; roteiro de Will Ralston e Chris Yakaitis; direção de Uta Briesewitz.

 

Episódio 6: “Why Me?”

Estreia: domingo, 22 de outubro

Texto de Richard Price e Marc Henry Johnson; roteiro de Marc Henry Johnson; direção de Roxann Dawson.

 

Episódio 7: “Au Reservoir”

Estreia: domingo, 29 de outubro

Texto de David Simon e Megan Abbott; roteiro de Megan Abbott; direção de James Franco.

 

Episódio 8: “My Name Is Ruby”

Estreia: domingo, 05 de novembro

Roteiro de David Simon e George Pelecanos; direção de Michelle MacLaren.

Carregar mais Cinema

Um comentário

  1. Andrea Mar

    6 de setembro de 2017 at 12:22

    Esta é uma ótima notícia. Sou fã das séries e dos filmes que eles transmitem neste canal. Em breve, eles vão transmitir Esquadrão Suicida e eu vou assistir no HBO on demand. No elenco vemos Jared Leto e Margot Robbie, dois atores que fazem uma grande atuação neste filme. Realmente o recomendo. Se vocês são amantes dos filmes de super-herói, este é um que não devem deixar de ver.

    Responder

Deixe uma resposta

Veja também

Mercado das artesanais avança no Brasil e já tem 610 cervejarias

Dados foram divulgados pelo MAPA. Para especialistas, aproximação com o consumidor e melho…